Nós Somos

A Cia. de Teatro Tumulto, formada por atores da Cidade de Deus e de outras comunidades do Rio de Janeiro está ligada diretamente à CUFA , sob direção geral de Anderson Quak e Liz Oliveira.
Tem como objetivo primordial ofertar novas telas e óticas para o teatro brasileiro. Reforçar os laços de cultura com a população de acesso restrito. Como lema, os atores adotaram a máxima:
Tumultuar. Contrariar o óbvio. Impressionar. Desconcertar. Mexer com quem está quieto.”
São produções de qualidade, propostas inovadoras, num teatro comunitário ousado e uma arte comprometida com as questões do homem contemporâneo.
O núcleo de dramaturgia se prolifera a cada movimento distinto em classes especializadas para jovens e crianças.
Promove o intercâmbio cultural, por meio de mesas de relacionamentos, debates, encontros artísticos e governamentais, e marca sua presença na inserção sócio-cultural.
Conquistou o apoio cultural de representantes do teatro brasileiro, como Lázaro Ramos, Maria Padilha, Babu Santana, Mariana Ximenes, Guida Viana, Thais Araújo, Tereza Gonzalez e muitos outros tumultuadores.
A inserção de parcerias, apoios e patrocínios, por partes privadas ou governamentais, contribuirão para a expansão e profissionalização teatral, com efeito multiplicador comunitário.
Mundo afora, a Cia de Teatro Tumulto recebe o apoio da Secretaria da Cultura do Governo do Estado.

Capítulos Artísticos

· Prazer em Família

· Paranóia Carioca
· Carroça da História
· Paparutas
. Navio Negreiro
· A Nóia da Paranóia
· Papo Calcinha

. Burgues da Lata

domingo, fevereiro 08, 2009

Caras!!!!


Hoje foi o ultimo dia de apresentação do espetáculo "CARAS " no retiro dos artistas. Impossível não sentir aquele frio na barriga e a sensação de ser a primeira vez que estamos pisando em um palco, quando na verdade, é o ultimo dia de espetáculo.Esse trabalho deu mais força para nos mostrar que o "CARAS" não acabou, mas sim apenas terminou um ciclo, aguardem ... Aguardem, pois o show não pode parar.Muitos ensaios, muitas trocas de cenas e falas, e retornos das mesmas ... Mas no fim muita ALEGRIA!Porque é assim que somos FELIZES!!!Agora dá um vazio aqui dentro, não de tristeza, mas de querer cada vez mais sentir o prazer de fazer algo que realmente amamos e quando nos apegamos e chega ao fim, é claro que bate saudade e de fazer com que aquele momento se congele e não termine.

Nesse último espetáculo, fechando com chave de ouro, tivemos um participante com um brilho super especial: Anderson Quak, diretor da Cia de Teatro Tumulto e ator que iluminou o palco com sua energia, garra, dedicação e amor a arte. Sinceramente - O que foi ver essa pessoa em cena? Ele tem uma força e um brilho no olhar que nos faz continuar e ver o quanto vale a pena estar ali!!
A Nova geração de atores, mostrou total dedicação, harmonia e principalmente muito respeito pela arte.
Agora falando um pouco do que senti nesses últimos dias, uma experiência ímpar na minha vida, deixar de apenas sonhar e correr atrás, VIVER esse momento foi demais!! Ainda estou caminhando e sei que estou na trilha certa para o que eu quero!
Calma, tem mais ...
Não podemos esquecer nosso diretor "Ricardo Andrade", que além de ser um ótimo ator não poderia ser diferente com sua brilhante direção na frente do CARAS. Atencioso, dedicado, esforçado, cauteloso com sua sensibilidade, demonstrou toda a delicadeza e força desse espetáculo, nos fez brincar e deliciarmos em cena.Parabéns Ricardo pelo trabalho, conduzir atores iniciantes não deve ser um papel fácil, mas você provou de forma simples e objetiva que essa vitoria é NOSSA, mas sem o seu trabalho não seria completa!!!A todo o elenco, Parabéns! Tenho certeza que demos o melhor, mas é claro que à partir de agora teremos que dar mais e mais ...
Enfim, é isso. Acabou a temporada no Retiro mas aguardem que vem muito mais por aí!!



Cintia Cunha
Atriz da Cia. de Teatro Tumulto



7 comentários:

RICARDO ANDRADE disse...

bELAS PALAVRAS!!!É MUITO BOM VER O POVO COLOCANDO SEUS PENSAMENTO NO BLOG E ASSIM FAZENDO ESSA MÁQUINA NÃO PARAR.PARABÉNS CÍNTIA PELAS PALAVRAS E PELO DESENROLAR DO SEUS PENSAMENTO ESCRITO.

GRANDE ABRAÇO

Ana Letícia Lima disse...

Sou suspeitíssima pra falar...rs

Mesmo não fazendo parte da Cia. me sinto envolvidapelo trabalho de vcs só com a convivência. A energia de todos vcs é muito boa, positiva....o trabalho de vcs, o comprometimento, dedicação e talento mostra que realmente fazem o que gostam e gostam do que fazem.

Parabéns a cada um de vcs. Me emocionei, a garganta enrolou pra falar...quase não saiu o "parabéns"...sei lá pq...rs

Acho que eu queria tanto quanto vcs que fosse um super sucesso. E foi,sempre será pq é a de vcs. Foi demais!!

Parabéns a todos!!! Continuem acreditando...sempre!

Bjs,
Ana Letícia Lima
Coordenadora de Voluntários e RH-Brasil

Viviane Paranhos disse...

Como diz o Quak "Vamos arrebentar hoje como se fosse o último dia de nossas vidas".
E foi o que aconteceu, o elenco tomou essa frase pra si e a colocou em prática, e o resultado foi uma bela apresentação.
Confesso que fiquei muito emocionada em ver a alegria e a satisfação no olhar de cada ator.
E concerteza CARAS se foi com gostinho de quero mais.
Muito bom o texto Cinthia, Parabéns.


Grande Beijo.


Viviane Paranhos.
Atriz e Produtora da Cia. de Teatro Tumulto.

Joanna disse...

Participar de CARAS foi um presente de Deus. Foi muito gratificante e importante aprender com essa galera, que incentiva, apoia e não deixa a peteca cair nunca!
Ótimo texto da Cintia, que consegue emocionar, com certeza, não só a quem viveu aquele momento emocionante, mas a todos que o lerem.
É isso aí!!
Bjuss pra todos!

Joanna Lopez

Thiago disse...

E um novo espetáculo! foi emocionante assistir " CARAS " no domingo.
estava estampado na cara dos atores a alegria.
a História bem amarradinha, deu vontade de pedir bis!

Alex disse...

A nova versão do espetáculo dirigido por Ricardo Andrade e Anderson Quak ganhou novo fôlego após a sua releitura. Com o espírito de integrar as idéias em uma versão mais próxima da linguagem naturalista, Caras mostrou objetivamente que não queria causar nenhuma revolução e sim apenas levar a platéia a uma reflexão sobre certas facetas da realidade brasileira, quiçá, mundial. As canções escolhidas a dedo para rechear a montagem resultaram em bela harmonia. Atores soltos, livres, com emoção pulsante e verdadeira alegria. A participação de luxo do amado diretor Anderson Quak, que há tempos não atuava, foi como a cereja que faltava no sundae. Espetáculo despretensioso e com boas surpresas entre os vários estreantes de seu elenco, Caras encerra a temporada com a certeza de ter plantado uma semente de esperança nas mentes de sua platéia e de seu próprio elenco. Contagiante!

Alex Borges
Ator e Coordenador
da Cia. de Teatro Tumulto

ANDRÉ CARVALHO disse...

Caras me fez relembra um momento maravilhoso da minha vida .

Um dia um menino que vendia limão . sonhava em ser jogador de futebol , consegue realizar o seu sonho e entra para um time profissional .
aonde conhece pessoas maravilhos.
E mata sua vontade de jogar .

Mas uma falta dura e desnecessaria faz com que esse menino perca seu sonho pela metade ...

Mas uma historia do nosso cotidiano !!!!! quantas pessoas não gostariam de ver sua historia em uma peça de teatro ??

No ultimo dia de apresentação do caras no retiro ,vc podia perceber o brilho nos olhos . não só nos olhos do atores . mas também dos nossos diretores . Anderson quak entra no elenco e mata sua vontade de bricar . de trocar . nossa brincadeira é seria !!! Nossa brincadeira da prazer .Estamos aq pra te trazer essa mensagem . mostrar nossa alegria .Nossa insastifação ... Essa é nossa Cia De Teatro tumulto .

CINTIA parabéns pelas mas belas .
palavras



André Carvalho
ATOR DA CIA DE TETRO TUMULTO