Nós Somos

A Cia. de Teatro Tumulto, formada por atores da Cidade de Deus e de outras comunidades do Rio de Janeiro está ligada diretamente à CUFA , sob direção geral de Anderson Quak e Liz Oliveira.
Tem como objetivo primordial ofertar novas telas e óticas para o teatro brasileiro. Reforçar os laços de cultura com a população de acesso restrito. Como lema, os atores adotaram a máxima:
Tumultuar. Contrariar o óbvio. Impressionar. Desconcertar. Mexer com quem está quieto.”
São produções de qualidade, propostas inovadoras, num teatro comunitário ousado e uma arte comprometida com as questões do homem contemporâneo.
O núcleo de dramaturgia se prolifera a cada movimento distinto em classes especializadas para jovens e crianças.
Promove o intercâmbio cultural, por meio de mesas de relacionamentos, debates, encontros artísticos e governamentais, e marca sua presença na inserção sócio-cultural.
Conquistou o apoio cultural de representantes do teatro brasileiro, como Lázaro Ramos, Maria Padilha, Babu Santana, Mariana Ximenes, Guida Viana, Thais Araújo, Tereza Gonzalez e muitos outros tumultuadores.
A inserção de parcerias, apoios e patrocínios, por partes privadas ou governamentais, contribuirão para a expansão e profissionalização teatral, com efeito multiplicador comunitário.
Mundo afora, a Cia de Teatro Tumulto recebe o apoio da Secretaria da Cultura do Governo do Estado.

Capítulos Artísticos

· Prazer em Família

· Paranóia Carioca
· Carroça da História
· Paparutas
. Navio Negreiro
· A Nóia da Paranóia
· Papo Calcinha

. Burgues da Lata

sábado, fevereiro 28, 2009

Nós por nós mesmo!!!

Nesses meses de Janeiro e Fevereiro a Cia de Teatro Tumulto realizou oficinas que foram ministradas por seus próprios alunos.
Aulas super divertidas, onde cada trabalho foi levado muito a sério.
Os alunos convidados para dar as aulas mostraram toda sua generosidade e respeito para com os demais que ali estavam.
Tivemos de tudo um pouco...

Roteiro com Cacau Amaral.

















Leitura com Paulo Rastha que nos trouxe um texto delicioso e, teve a sensibilidade de perceber as limitações de cada um.






Interpretação com Anderson Quak e Alex Borges que mandam super bem e dispensam comentários.






Preparo físico do ator com aquecimento do corpo com Viviane Paranhos que quase mata a gente nos aquecimentos, mas que todos sabem que é importante.






Tivemos também uma aula super descontraída com Márcio Vieira, ator e diretor que nos trouxe um pouco de dança e manteve todos no foco.



O próprio nome já diz: "Nós por nós mesmos"

Estamos aqui para brincar, quebrar o convencional e mostrar que podemos o impossível.
Mas nossa brincadeira é séria!!!
Quebramos barreiras, preconceitos e fazemos desse nosso amor pela arte um espetáculo incrível de se ver, mostramos que apesar de todas as dificuldades estamos aqui para levar nossa mensagem para qualquer lugar. A cada aula um novo aprendizado, uma nova alegria de ali estar e aprender algo novo, algo que para muitos não tem a mínima importância, mas que para nós é tudo!

Esse projeto mostrou a união e respeito para com os outros, independente de quem estava dando aula via-se a atenção, carinho e dedicação.
Às pessoas que com sua generosidade vieram a cada sábado nos ensinar fica aqui o meu muito obrigado!!!
Somos TUMULTO e ser Tumulto é isso... Várias pessoas, mas com um único intuito aprender essa arte que cada vez nos fascina mais e mais.
Amamos o que fazemos e quando se faz com amor tudo fica mais bonito.

Não me esqueço de que logo no primeiro dia que entrei Cia. ouvi "Aqui ninguém é melhor do que ninguém, juntos formamos uma única célula".
Por isso somos Tumulto e com muito ORGULHO!!!



Ainda mais....
Marcio Vieira montou uma esquete que contou com a participação de alguns atores da Cia.
"Carroça do Brasil" foi uma esquete super alegre, dançante e musical, os atores se deliciaram em cena o que agradou tanto a eles quanto a quem assistia.






Em fevereiro também retornou o ensaio de Prazer em Família que tem um elenco de peso.
Prazer em Família estréia em Março, então já viu o ritmo de ensaios, começa a correria de sempre, mas vamo que vamo que o show não pode parar!
Ninguém pode perder esse espetáculo que é dirigido por Alex Borges.
Uma peça forte que trata da realidade de muitas famílias brasileiras, a ausência da "reunião familiar", a dor da perda dos entes queridos, a ganância por mais e mais dinheiro, entre outras coisas.



Não percam!!!








Parabéns a todos que fazem essa máquina girar e girar!!!

Aguardem que 2009 está apenas começando e nós estamos em ritmo acelerado!!!

Cintia Cunha
Atriz da Cia de Teatro Tumulto

7 comentários:

Cacau disse...

Ministrar essa oficina foi um desafio bacana. Adotei uma linha de dramaturgia bem simples, onde construímos um personagem e, a partir dele, desenvolvemos uma estrutura de história. O mais gratificante foi receber os textos realizados por alunos e alunas, “o dever de casa”, onde senti na prática o impacto que é uma pessoa, que nunca se enxergou como escritor ou escritora, transformar histórias tão comuns no nosso dia a dia em textos dramatúrgicos e testemunhar como isso muda o comportamento dessas pessoas.

Anônimo disse...

Quero fazer parte. Com quem falo?
Meu email:
Juniorflob@hotmail.com

Viviane Paranhos disse...

Gostei muito de dar uma oficina, nunca tinha feito nada do tipo e fiquei nervosa ainda mais pelas pessoas que reclamavam muito das minhas aulas ... rsrsrs !
Mais valeu a pena, ainda mais que eram pra pessoas da própria casa e as pessoas que participaram ajudaram bastatante fazendo os exercicios, mostrando o inreresse pela aula.
Foi muito bacana essa experiência.

Alex Borges disse...

Para mim foi como um divisor de águas. Eu não tinha confiança em mim mesmo para dar aula, porém curti cada momento de preparação da aula, parecia que aquilo já era comum em minha vida. Estudei, relembrei exercícios de quando comecei a fazer Teatro e quando se deu a execução foi muito especial para mim. Quebrei essa tensão inicial e agora quero espaço para mais aulas. Muito bom! Agradeço ao Anderson Quak e a Liz Oliveira, diretores da Cia. Tumulto, por essa oportunidade que só me acrescentou como profissional de Teatro.

Alex Borges disse...

juniorflob@hotmail.com

Para maiores informações sobre o Curso de Formação de Ator da Cia. de Teatro Tumulto, entre em contato comigo pelo endereço alex.ciatumulto@gmail.com

Paulo Rhasta disse...

Que desafio maravilho, pois escolhi o que eu tinha maior dificuldade.Lembro na primeira aula que tive o Mestre perguntou quem sabia, dei um salto da cadeira e me candidatei e quando comecei a ler percebi que tinha muito que aprender.
Resumindo foi um Prazer em Familia" passar um pouco do que aprendi.Valeu TUMULTO.!

Mariana Santos disse...

Para mim foi uma oportunidade única, já chegar participando dessa maratona de oficinas!
Todas elas bem estruturadas e eficazes!
Só me resta agradecer muito essa oportunidade!
Adorei!